ir para o site

Fique por dentro dos lançamentos, eventos e promoções. Inscreva-se na nossa newsletter.



Receita

PRA GENTE, RECEITAS E boas HISTÓRIAS
FORAM FEITAS PARA COMPARTILHAR

São diversas receitas com afeto, pesquisadas em várias cozinhas brasileiras,
para você se inspirar e quem sabe até fazer em casa.

Chimarrão – Rio Grande do Sul


voltar

Chimarrão

GRAU DE DIFICULDADE: facil

RENDIMENTO: Uma cuia

TEMPO DE PREPARO: 5 min

CHEF: Liliane Pappen

ESTADO: Acre

ingredientes

 Erva-mate a gosto
 1 litro de água quente (de 60°C a 75°C)

MODO DE PREPARO

1 Coloque a água já quente e na temperatura indicada dentro da garrafa térmica para conservar a temperatura;
2 Coloque de uma a duas colheres de erva-mate na cuia;
3 Despeje água quente até a altura da cintura da cuia (parte onde ela fica mais estreita);
4 Complete com erva-mate na quantidade desejada;
5 Com a bomba de chimarrão, afaste a erva-mate para abrir o espaço que irá acomodá-la;
6 Coloque a bomba de chimarrão na cuia.
Dicas

História

A lista de ingredientes é enxuta: erva-mate e água quente. Mas o consumo do chimarrão, encontrado em todo canto debaixo do braço de um gaúcho, envolve um ritual. Deve-se beber o líquido quente até o final, “roncar” a cuia para avisar que o mate acabou e não mexer na bomba.

“Ir ao parque no domingo para tomar um ‘chima’ é um de nossos programas favoritos”, diz Liliane Pappen, presidente do Instituto Escola do Chimarrão, em Porto Alegre – ela também foi eleita a primeira prenda do Estado em sua cidade natal, Venâncio Alves, cuja função é representar o Estado em eventos culturais e difundir as raízes gaúchas.

“Sempre quem prepara o chimarrão deve tomá-lo primeiro antes de passar ao próximo. Este termina, a cuia volta para quem preparou o mate para encher a cuia com água quente, depois é servida ao terceiro da roda e assim sucessivamente”, afirma Pappen.

A erva-mate, que pode ser comprada a granel, deve ser sempre verdinha, vistosa e quanto mais nova, melhor. Em pacotes que já vêm fechados é comum encontrar 70% de folhas e 30% de palitos, galhos do arbusto com espessura máxima de um lápis.

Pode-se comprar a folha pura, com moagem grossa e sem o palito, a tradicional, com moagem fina, e a suave, que tem 3% de açúcar.

Com a erva em mãos, só falta a bomba – espécie de canudo usado para filtrar o mate – e a cuia – que abriga a erva e a água quente. Com uma técnica de Pappen dá para preparar o chimarrão em 11 segundos. “Preparar um chimarrão e tomá-lo em uma roda de amigos ou familiares é um dos principais símbolos da hospitalidade gaúcha”, diz.

Instituto Escola do Chimarrão

ONDE: rua Jacob Becker, 881, Centro, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, tel. (51) 3741-6573

Os comentários estão desativados.