10 coisas que você precisa saber sobre Inhotim

O Instituto Inhotim fica em Brumadinho/MG a cerca de 60 km de Belo Horizonte e é lá o local escolhido para o primeiro evento presencial do Fartura Gastronomia de 2022.

10 coisas que você precisa saber sobre Inhotim

Entre os dias 29 de abril e 1³ de maio, esse imenso complexo cultural misto de Jardim Botânico e Centro de Arte Contemporânea – o Instituto Inhotim – será sede de várias atrações, entre elas: Cozinha ao vivo, Feira de Produtores, Apresentações artísticas e culturais, além de almoços e jantares, nos restaurantes locais, além da presença dos chefs embaixadores gastronômicos do Itamaraty, um de cada região do país. Além de cozinhar, eles também irão debater sobre como podemos levar a culinária brasileira para fora sem perder nossas origens, com a mediação de Claude Troisgros. 

Por isso, separamos pra você 10 coisas sobre esse lugar maravilhoso e que será palco desse Festival que promete muito:

1- É considerado o maior museu maior museu de arte a céu aberto do mundo. Uma área equivalente a cem campos de futebol que mistura, muito bem, arte e natureza e que já recebeu mais de 3 milhões de visitantes.

2- O Instituto Inhotim conta com um acervo em exposição formado por pinturas, esculturas, desenhos, fotografias, vídeos e instalações de cerca de 60 artistas, de 38 países diferentes. São 560 obras em exposição atualmente. Produzidos desde os anos 1960 até os dias atuais, os trabalhos estão dispostos ao ar livre ou exibidos em galerias.

3- Além disso, o Jardim Botânico, que integra o Instituto, possui uma coleção de cerca de 4,5 mil espécies de todos os continentes – algumas raras e ameaçadas de extinção. 

4- Os acervos artístico e botânico do Instituto são utilizados para produção de conhecimento e desenvolvimento de ações educativas, atendendo escolas, universidades e diferentes instituições do setor público e privado de Minas Gerais. Os projetos educativos visam à aproximação da sociedade de valores como arte, meio ambiente, cidadania e diversidade cultural.

5- Durante seu passeio, você vai se deparar com mais de 100 troncos de árvores que foram transformados em bancos gigantes pelo designer Hugo França que além de serem uma obra de arte, é um ótimo momento para descansar e curtir o passeio.

Imagem: Tamboril – Brendon Campos

6- É possível nadar e interagir com grande parte das obras, por isso, prepare a roupa de banho. E claro, não esquece de tirar muitas fotos.

7- Faça uma lista das obras e locais que quer conhecer, assim, pega as trilhas certas e não perde tempo no caminho. Escolha roupas e calçados confortáveis e aproveite bastante a vista, o lugar é lindo!

8- Para quem quer ganhar tempo entre uma galeria e outra ou se cansou com a caminhada pelos 110 hectares da área de visitação, o parque oferece um serviço de transporte interno com carrinhos elétricos por rotas pré-determinadas.

9- O Festival Fartura vai acontecer, principalmente no espaço da Igrejinha e também nos restaurantes do Instituto. Além disso, haverá uma feira de produtores e apresentações culturais.

10- Para chegar em Inhotim de carro, o acesso é pela Rodovia BR-381 (passando por Mário Campos) ou pela Rodovia BR-040 (passando por Piedade do Paraopeba). Estacionamento gratuito.

Opções de transporte regular

Transfer – a Belvitur, agência oficial de turismo e eventos do Inhotim, oferece transporte aos sábados, domingos e feriados, partindo do Hotel Holiday Inn Savassi (Rua Professor Moraes, 600). O horário de saída é às 8h30 com retorno às 17h30. O transporte até o Parque. O serviço também pode ser reservado de terça a sexta-feira, mas necessita de lotação mínima de quatro pessoas. Para mais informações: 31 3290-9180 ou pelo e-mail inhotim@belvitur.com.br

Ônibus Saritur – saída da Rodoviária de Belo Horizonte de terça a domingo, às 8h15 e retorno às 16h30 durante a semana e 17h30 aos fins de semana e feriados.

O Fartura Gastronomia é apresentado pela Gasmig e tem parceria cultural do Sesc em Minas, parceria educacional do Senac em Minas e apoio da Forno de Minas.